FILTRE POR CATEGORIA
#NOTÍCIAS
22 mar
2018
Franco apoia Abrigo dos Anjos -

 

 

 

A ONG Abrigo dos Anjos, declarada de utilidade pública por  projeto de autoria do vereador Franco Cartafina (PHS), vai promover neste domingo,  25 de março de 2018, a partir das 9h, na sede próximo ao Distrito Industrial 2, o Mutirão de Banho e Tosa. Aos interessados em participar da ação, pedem-se a doação de xampu à base de cetoconazal, condicionador, sabonete antipulgas e Riohex 2% clorexidina. 

Alessandra Piagem, responsável pela ONG, diz que gratidão resume o sentimento com relação ao vereador Franco,  que é companheiro na defesa da  causa animal. Ela agradece a ajuda que ele sempre dá por meio de doação de ração e também a destinação de recursos por meio de emenda parlamentar. O recurso será para construir o saneamento básico necessário exigido pela fiscalização ambiental. "Tínhamos um prazo que já estava vencendo. Sem a ajuda do Franco, não teríamos como cumprir essa exigência", admite. Alessandra diz que a gratidão cresce e com ela a responsabilidade de fazer cada vez mais e melhor.

Há mais de cinco anos, Alessandra se dedica a cuidar dos "amigos de pata". Tudo começou quando ela perdeu uma cachorrinha. Procurou por ela muito tempo, quase um ano, e nesse tempo percebeu como é grande o número de cachorros doentes, perdidos, abandonados nas ruas e pensou em abrigá-los e ajudar a encontrar os seus donos. Um dia uma cachorrinha a acompanhou até em casa, depois vieram outros. De repente, estava com 140 cachorros dentro de casa e desagradando o restante dos moradores. "Eu amo as pessoas, mas quero ajudar os animais", diz. Optou por levá-los para um espaço maior, uma chácara, onde ela se lembrava de ter visto um canil, mas sem proteção. Pediu a um amigo para cercar o espaço e pronto. Hoje são quase 400 cachorros. Ao tomar a decisão,  sabia que isso acarretaria mais obrigações e foi exatamente assim. 

Alessandra faz questão de esclarecer que a ONG não recebe cães que os donos não querem mais, apenas os abandonados, que não têm amparo, nem lugar para ficar.  Revela que os custos são muito altos, por exemplo, com ração. São necessários 130 quilos de ração por dia. "Temos ajuda voluntária e com a realização de bazar, evento como a Feijocão, galinhada e pedágios nos semáforos vendendo nossos copinhos e adesivos." 

Alessandra entende que as pessoas deveriam desenvolver o voluntariado de coração não só em favor de ONG de animais, mas de humanos também, que sobrevivem dessas doações. Que procurem ajudar mais, se envolver mais. "Quando escolhemos algo para fazer nesse mundo, não estamos sozinhos. Se não fosse a ajuda de voluntários, não seria possível mantermos  esses animais." Ela diz não ter palavras para descrever o amor que sente e que cada um vem com uma missão, a dela é cuidar de animais.  

em: Cidadania, Ações, Saúde, Social


CANAIS DE COMUNICAÇÃO:
(34) 3318-1714 / 3318-1734
contato@francocartafina.com.br
AGÊNCIA DIGITAL
Zoom Web Inteligente
FRANCO CARTAFINA VEREADOR © COPYRIGHT 2018 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS